segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

9 comentários:

mariazinha disse...

sabes? eu acho que têm (vida própria)...

;)

beijo*

Paradoxo disse...

olá Mariazinha!
até um livro fechado tem vida. no seu interior. sim! guardam o silêncio póstumo do seu criador. será que os livros ganham ainda mais vida... leitores... com o desaparecimento físico do seu autor?

Há gente que só aparece quando "desaparece"!


beijão com muita vivacidade!

Anónimo disse...

Prin: Gostei deste teu malabarismo paradoxal:-)

Paradoxo disse...

Prin
um
malabarismo
p
a
r
a
d
o
x
o

vertical. heheheh

beijao grande!

trebaruna_666 disse...

ás vezes as palavras ganham vida própia quando nos tocam, são elas que nos fazem dar sentido há vida.
gostei mt deste post

Paradoxo disse...

Treburana

As palavras são farramentas muito sérias. Não devem ser levadas extremamente à sério. Somente assim nos podem devolver o espanto, a sublimidade, o climax da leitura... a vida nelas contida.

Obrigado por te permitires tocar... pelas minhas palavras, obviamente :-)
eheheh

Anónimo disse...

B ela forma de
R etratar e
U sar o
T alento.
A chei
L indo.

Luisíndia Caetano

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,

OT disse...

isto é espectacular eduardo...
muito bom...