domingo, 25 de setembro de 2011

4 comentários:

pianissima disse...

que importa o lado se ele nascer nas tuas mãos :) ?!
aqui, um carinho para ti.
reclama, se tiveres alguma queixa a fazer :)

beijo.
gosto da pessoa que és.

Tatiana Moreira disse...

As mãos quando estão repletas de encato...Embelezam tudo o que tocam... Já é um ótimo começo para iluminar a vida!
Um abraço carinhoso

Areia às Ondas disse...

Eu sei onde nasce o outono e qualquer outra estação do ano: da tua poética.

mariagomes disse...

POETA!

beijinho
maria