quinta-feira, 21 de março de 2013

6 comentários:

Filipe Campos Melo disse...

Gosto de passar neste espaço

De perceber o tanto que nos oferece
(para o que se exige atenção e reflexão)

Gosto do tom nostálgico

Gosto da profundidade
(não a evidência fácil
mas a sabedoria que se presente adquirida na existência e na percepção da sua relatividade)

Um espaço
onde as palavras se ilustram
onde as imagens se escrevem

(de que este post é um bom exemplo)

É que a poesia excede o verso


Abraço

disse...

cassetes... lembro me bem delas, da fita que ás vezes se enrolava com uma caneta bic... da escola, o cheiro dos livros e sim alguns sons que ficam... não guardo muitos.lembro me quando me parece ouvir aqui e ali qualquer coisa que já tenha ouvido antes e penso eu já estive aqui... já vivi isto. é garadável fico mais um pouco.
Assim é quando aqui venho ler-te, pensar e refletir. este blog é como uma janela para a vida.
obrigada.

Blood Tears disse...

Nostalgia, e amor, tão encantados.....

Kiss*

libertatem disse...

há sons que ficam no ouvido..
nao chega apagá-los desta forma.

Maria Luísa disse...

se apagar uma lembrança fosse tão simples ...

Princesa do Mar disse...

Já tinha saudades deste cantinho tão especial!!!
A tua criatividade fascina-me!

Beijinhos e sorrisos de mar

Fanny