quinta-feira, 5 de junho de 2008

Prazeres imperfeitos

Se pedir a verdade é pedir demais, ao menos, injecta-me um tranquilizante antes de abrires o coração. Espreme as minhas lágrimas até ao limite do teu sorriso e ainda que chores, não será demais, entornar uma luz no caminho onde tiveste a primeira convulsão fraternal com ligeiros ferimentos numa esquina qualquer da tua solidão.

Se pedir as estrelas é mendigar demais, ao menos, seduz-me com os teus dedos com feições de lâminas a escrever sobre a minha pele - Que nada mais temos em comum senão o facto de ambos sermos diferentes.

Depois… Apaga a luz!! Vou procurar no escuro o astro dos meus prazeres imperfeitos.

77 comentários:

Mr. Fart disse...

É... pareceu-me ver as cenas. Linda postagem.
Abraços!

Adriano DiCarvalho disse...

Olha só, em pouquíssimas palavras, bela poesia! Vemos as imagens e quase podemos sentir os sentimentos contidos...

Parabéns!

Suzana disse...

Amor em braile.

anamarta disse...

Eduardo
Que loucura de poema e imagem! Adorei!
Beijos

biazinha disse...

Os astros da nossa loucura encontram-se multifacetados em algum labirinto.
Bjuxxx, Edu.

Sei que existes disse...

Lindo!
Beijo grande

NAELA disse...

Apaga as luzes....mas deixa-me sentir os versos escritos em ti;)
Amigo simplesmente fantastico, profundo!
Beijo com imensa luz

Arnaldo Reis Trindade disse...

Amigo,
parabens pelo texto, como sempre tuas palavras estão a fazer aparecer cena em minha frente, fazer até com que a minha própria pele sinta estes dedos, que tantos gostariam de entir e que tantos sentiram a escrever em vossas peles e nunca mais deixam de querer sentir.

Obrigado pelo comentário em meu blog, espero estar ajudando de algum modo a pequena Flavia, garota de minha idade que por causa da incompetência de outros perdeu a melhor fase da vida e está em coma quase irreversível.

Abraço.

lua prateada disse...

Lindo migo , mas...espero que não estejas passando por isso...

Na brisa suave do vento
E, tudo o que dele emana,
Passei atravez do tempo
Deixando lindo fim de semana.
Beijinho prateado com carinho

SOL

Entre o Fascínio e o Pensamento disse...

Senhor Paradoxos...
Pensamos muitas coisas em comum!!
Adorei a visita!!
BjO!

Filósofo disse...

Se pedri as estrelas é mendigar demais...seremos mendigos o bastante para eternamente mendigar...
Obrigado pela vista, um abraço.

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Eduardo. Que lindo post, lindas palavras: "Vou procurar no escuro o astro dos meus prazeres imperfeitos."

Muito show!

Quero agradecer também a visita que fez ao meu blog. Obrigada!

Ótimo final de semana!

Beijos mil! :-)

Jasmim disse...

Sublime!

Beijo doce

*

☆Fanny☆ disse...

Olá Eduardo.

Grata pela tua visita ao meu cantinho dos murmúrios. Gostei muito de conhecer o teu espaço sussurrante onde os sentimentos voam como aves libertas no horizonte.

Voltarei sempre, pois ler-te é um prazer que acaricia as nossas almas.

Um abraço de estrelinhas*

Fanny

Val Du disse...

Grande Edu!

Nas difrenças podemos nos completar e no escuro podemos ver melhor.

Beijos

Bandys disse...

Eduardo,

Lindo poema.
adorei.
injecta-me um tranquilizante antes de abrires o coração. Espreme as minhas lágrimas até ao limite do teu sorriso e ainda que chores, não será demais, entornar uma luz no caminho
E depois disso um colo pra descansar.
Beijos

mariazinha disse...

Que nada mais temos em comum senão o facto de ambos sermos diferentes.

Frase fabulosa, esta.

:)
beijo*

Clara disse...

Apaga a luz!! Vou procurar no escuro o astro dos meus prazeres imperfeitos.

Hummmmmm

Beijinhos.

Luis F disse...

Amigo

Um texto excelente, belo, profundo.

Os meus parabéns

Com amizade
Luis

Pena disse...

Estimado Amigo:
Um texto sublime. Belo.
Elucida sobre os belos momentos do seu admirável e fabuloso Paradoxos.
Sem palavras. O silêncio é de ouro...!

Abraço amigo de sempre.
Adorei!

pena

Shakti disse...

Este texto tem algo de real de ...sei lá , quando se lê o teu texto parece que todas as imagens estão a passar pela nossa frente...gostei , gostei muito!!!

Bjs

P.S- Já pensaste mostrar a uma editora tudo o que aqui tens escrito...já vi por menos tornarem-se livros...

Menina do Rio disse...

Será que viveremos sempre anestesiados? Eu prefiro a dor da verdade à sedação...

Um beijo e obrigada pela visita ao Bocados.
Fica o convite pra vires conhecer meus Momentos

http://meninamomnetos.blogspot.com

teetee disse...

Truz truz!! Posso entrar?
Gostei de aqui chegar.. e ler que ainda há alguém que escreve de amor!

"Ás vezes parece que o sol não vai brilhar
Que já ninguém sabe cantar uma boa canção de amor
O dia parece ser sempre noite
Até o sul parece norte
Ás vezes parece que o frio veio para chegar como musica sem refrão"

Um braço,

teetee

OUTONO disse...

Amigo.

O teu escrito, forte intenso, luxuriante de embriaguês cultural, é , como um "take" não programado da tela do enredo.

Consegues, ser actor, narrador e realizador em simultâneo.

Brilhante!

Um abraço.

Princesinha disse...

QUE LINDO!

fantastico mesmo mesmo bom!

parabens!

bjnhs

Filósofo disse...

Querido Eduardo, fiz uma nova postagem e gostaria de seu comentário sempre bondoso e realista,
Um abraço.

Rosi Gouvea disse...

Procuro dizer o que sinto
Sem pensar em que o sinto.
Procuro encostar as palavras à idéia
E não precisar dum corredor
Do pensamento para as palavras...

...Alberto Caeiro...

Fico muito feliz com sua visita!
Espero ver-te sempre por lá...
Sempre me encontrarás por aqui!

E deixo pra ti, meu desejo de um ótimo final de semana!!

Doces beijos

Xinha disse...

"Não tenho mais palavras, gastei-as a(...)" comentar-te!!!!

J. Araujo disse...

Excelente! parabéns pelo blog e as poesias contida nele.

Palavras, as palavras são mágicas quando trabalhadas por pessoas com sensibilidade de articulação.
As palavras podem ferir quando mal colocadas ou interpretadas. Que bom que muitos de nós utilizamos as palavras como meio para tocar corações de tantas pessoas.

Um abraço,

Um Momento disse...

Mas...
Ler-te é maravilhoso...
Sentir cada palavra ...é ...intenso...
Sorver cada frase...é ...nem sei...
Sei que cada vez que te leio, é deveras gratificante pois fico MESMO sem saber o que comentar em relação ao que escreves

Os meus Sinceros Parabéns!

(*)

bekeflowerlee disse...

Nunca é demais pedir a verdade.

Tá liiiindo!!

Beijão

Lyra disse...

Peço desculpa pela minha ausência...mas às vezes a vida dá voltas inesperadas e o chão parece que nos foge... Torna-se necessário “recolhermo-nos” um pouco, fugir do mundo e fazer uma introspecção profunda. É isso que tenho feito e por isso não te tenho vindo visitar...

A verdade é que me sinto no meio das trevas, onde sorrio à vida, como se conhecesse a fórmula mágica que transforma o mal e a tristeza em claridade e em felicidade. Então, procuro uma razão para esta alegria, não a acho e não posso deixar de rir de mim mesma. Creio que a própria vida é o único segredo...

Quando estiver mais... animada... voltarei aqui...

Beijinhos e desculpa

Germano V. Xavier disse...

Pedir é tempo de morte e de vida.

Abraços, meu caro.

Germano
Aparece...

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Muito bonito o que vc disse. Desculpe-me, mas tive de fazer um novo post hj, tão perto do anterior, porque essas resenhas serão publicadas pela USP dentro em breve, então tenho que correr. Peço a sua compreensão e que vc ponha um comentário, caso contrário não haverá publicação.
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo,
RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO

lilipat2008 disse...

"Que nada mais temos em comum senão o facto de ambos sermos diferentes."

Um grande exemplo da existência deste blog...

Adorei...

Bjs

LeniB disse...

sintonia perfeita entre palavras e imagem...
bjs

Anjo Negro disse...

olá

fantástico face aquilo que já li aqui está, sem duvida, muito bom...
hoje queria espremer as minha lágrimas para não cair nem uma dos meu olhos.. hoje queria que a minha alma morresse...

bjs bom fim de semana

Justine disse...

Um nocturno em ondas suaves, ou de como um crepúsculo se transforma em noite táctil...

Belo!

Nadja Reis disse...

Nossa!Lindo,lindo lindo! xD

pin gente disse...

no escuro tacteias e sentes mais as imperfeições e, naturalmente, as perfeições também.

Marlene Maravilha disse...

Caramba! Que bonito!! Amei.
É impressionante como Portugal tem poetas maravilhosos!!!!
Abracos, e um lindo domingo

.:Noxz:. disse...

Perfeito novamente...
Escreves muito bem!!!
Voce é de Portugal? Qual cidade?
Tenho parentes que moram em Portugal ^^

NI disse...

Mas é a diferença que nos une uns aos outros.

Há imagens que valem mil palavras mas este teu post dispensa bem qualquer imagem.

Beijos

Nota - Obrigado pela tua visita ao meu confessionário

legivel disse...

Pedir a verdade nunca é pedir demais. O problema é que a verdade ouvida pode não ser aquela que gostaríamos de escutar.
A mim, ninguém me espremeria uma lágrima que fosse. Parece mentira! com a variedade de sumos que há para aí no mercado...
Pedir estrelas, isso sim: desenho as de cinco pontas com grande facilidade e de seduções cá as espero... de pé... e com a luz acesa.


abraço.

Mãe Galinha disse...

A verdade nunca é demais, penso eu :-)

Diva disse...

Tanta poesia na tua prosa. Eh... meus sentidos vibram neste cantinho. Special one.
Bjs meus

delusions disse...

poderoso...

Tinta Azul disse...

Estarás precisado de "uma injecção de essência de rosas" [JS Braga]?
:)

Dani disse...

Eu acho que essa verdade deve ser muito dolorosa...
Poema intenso.
bjs

Maria P. disse...

Gostei muito de conhecer estes "Paradoxos".

Um abraço, boa semana*

Kênia Garcia disse...

Oi!
Como estás!?
O tempo está meio corrido pra mim, quase não ando tendo tempo para a internet, a não ser fim de semana.. mas volto aqui para ler com mais calma.

Grande beijo!

Maria Flor disse...

Fechando os olhos nota-se bem mais...Enxerga-se a alma.

Convido-te ao meu espaço.

Érica disse...

Olá, vim através da Suzana, logo aí acima e já me encantei com:

"Se pedir a verdade é pedir demais, ao menos, injecta-me um tranquilizante antes de abrires o coração."

Que, inclusive, tem a ver com o filme que cito lá no meu blog... Coisas sobre verdades e mentiras...
Enfim...
Até!

Kátia disse...

"Se pedir a verdade é pedir demais, ao menos, injecta-me um tranquilizante antes de abrires o coração...

Se pedir as estrelas é mendigar demais, ao menos, seduz-me com os teus dedos com feições de lâminas a escrever sobre a minha pele - Que nada mais temos em comum senão o facto de ambos sermos diferentes..."

Pude me ver nesse escrito e ainda mais nesse trecho.E sempre me pegunto:Em que parte da história foi que eu errei?Quando pedi que alguém me falasse apenas a verdade ou quando ambos percebemos que éramos muito diferentes.

Belo,belíssimo e tens a minha leitura garantida.

Obrigada por partilhar pérolas!
Boa semana e um beijo!

(Un)Hapiness disse...

que paradoxo este...:)

kiss

Ás de Copas disse...

Será a lua esse astro?
Aposto na Lua cheia, a lua de todos os meus encantos...

matheuss disse...

com a luz desligada é sempre melhor.

Auréola Branca disse...

Belíssimo!

Ultimamente ando a machucar escrevendo com lâminas. Mas, não compreendo porque não sai sangue. Creio que não há sangue nele.

Abraços.

sonjita disse...

Hummmmm... não sei mais que dizer!

BJOka grande

No-Me disse...

Depois da beleza desta escrita, ao menos que os prazeres sejam perfeitos.

Abraço. :)

busillis disse...

Viva :)
Mas que sentimentos!
Hoje é dia da minha apresentação!
E aqui estou.
Espero a tua visita...se quiseres!

Jorge Cardoso disse...

por mim é a primeira vez mas o que vi é excelente parabéns!!!

abraço...

Dias disse...

Sim senhor, encontrei mais um escritor e que raro é encontra-los por estes lados...

Bom ritmo, conteudo interessante, e verbos de excelencia!

Parabéns Eduardo

Abraço

M. disse...

escrito na pele. gritante. cortante. como o são por vezes as verdades regadas às lágrimas.

diferentes à meia luz.

beijo

Filoxera disse...

A praia estava boa, obrigada.
Voltarei a este espaço.

Anónimo disse...

se pedir poesia hipnotizante é pedir demais,ao menos tranquiliza o meu coraçao com a certeza que vais sempre escrever até mesmo com a luz apagada.
beijos paco.

Luisíndia Caetano

biazinha disse...

Eduuuuuuuuuuu,
Eu posso postar um texto teu em meu blog com todos os créditos que mereces?
Se não puder, irei entender.

Bjuxxx.

^^

prafrente disse...

Pedi-lhe a verdade.Ela disse-me que não se escolhe quem se ama...

Queremos a verdade, mas nem sempre estamos preparados para a receber.
O melhor tranquilizante é calçar umas sapatilhas e correr á beira-mar...até que o cansaço seja mais forte que a dor.

Obrigado pela visita

Entre o Fascínio e o Pensamento disse...

E aí tudo bom?

Tenho uns textos lá que acho que tu vai gostar...

Te espero!

BjÃo!

Marcelo Martins disse...

"Que nada mais temos em comum senão o facto de ambos sermos diferentes."

Gostei muito disso, genial mesmo.
Poesia pura, reflexiva e de uma beleza rara.
Parabéns.

Su disse...

se....se....

jocas maradas de sentires

SAM disse...

Encantada em conhecer seu espaço, Eduardo. Maravilha de post!

Doa a quem doer, a verdade sempre!
Escreves com maestria e estilo.

Beijos e obrigada pela visita que conduziu-me às boas leituras neste belo blog.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Postei 2 coisas num só post. Vá lá Preciso da sua ajuda. Para publicar as resenhas de filmes que faço aqui. Mas, para tanto, preciso dos comentários. Sem comentários, não há publicação.
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo e o aguardo,
RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO

Xinha disse...

Olá.

Belissimo post.
Marcante.
Até parece que escreveste o que sinto ... :)

Xi-coração

Anja Rakas disse...

Não o que dizer...é difícil quando nos encontramos nas palavras de outrem.
Mas .... Adorei.
"Se pedir a verdade é pedir demais, ao menos, injecta-me um tranquilizante antes de abrires o coração."

Tá...Estou...nelas!

Beijo

Anja Rakas disse...

Não o que dizer...é difícil quando nos encontramos nas palavras de outrem.
Mas .... Adorei.
"Se pedir a verdade é pedir demais, ao menos, injecta-me um tranquilizante antes de abrires o coração."

Tá...Estou...nelas!

Beijo

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,