quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Tantas razões para regressar à escrita. Não encontro o motivo.

11 comentários:

Imagem e Poesia disse...

Oi! Vim agradecer a sua visita ao meu cantinho e dizer que adorei conhecer o seu. Pode voltar a escrever... Motivo? Eu quero poder te ler mais.
Beijinhos e fica feliz
Ceiça

Mgomes - Santa Cruz disse...

Olá amigo: Há sempre uma razão para escrever, vamos lá voltar a escrever porque eu adoro ler tudo o que as outras pessoas escrevem, porque aquilo que eu escrevo não leio muito.
Um Abraço
Santa Cruz

Maria disse...

:)))

Abraço.

Maria, Simplesmente disse...

Se há razões... há motivo...!
Pode haver motivos sem razões..., mas nunca há razões sem motivos.
Até brave.

OutrosEncantos disse...

Não sei de razões nem de motivos, sei que ler-te é fascinante!!!
E escrever é uma necessidade imperiosa de quem o sabe fazer, como por exemplo TU!!!

Estou aqui também porque fui agraciada com um selo! Não sei até que ponto os selos te dizem alguma coisa..., a mim tu dizes-me e como tal nomeei-te. Se te apetecer ir buscá-lo, tu sabes onde está!
Beijos nossos!

Tania regina Contreiras disse...

Há olhares cá do outro lado à espera...Será uma razão, um motivo? :-)
abraços

Erica Ferro disse...

Te dou um motivo: pare e escreva.

onzepalavras.com disse...

Estamos a escrever sempre, mesmo quando o teclado e a caneta estão longe de nossas mãos. Escrever é a continuação do exercício de viver.

anita sereno disse...

ola passei para te desejar uma boa semana e um feriado maravilhoso
poema lindo
onde a razoes a sempre um motivo a premeditar
beijos xauuu

Anónimo disse...

te manca mané deixa de publicar essas suas merdas.
que coisa mais hilária o seu bloco, é uma bosta lacrimosa nunca vi tanta merda junta

Anónimo disse...

Poematório rima com cagatório que é o que voce faz, só caga merda da sua boca.
vai dar o bumbum. viadão safado pederasta. Pum para voce pum pum pum!!!!!!